AgroEconomia

CEPEA: Queda do Indicador é de 3% em outubro

O aumento da oferta de animais de confinamento e a pressão exercida pelos contratos fechados antecipadamente têm pressionado as cotações da arroba, segundo afirmam pesquisadores do Cepea.

O aumento da oferta de animais de confinamento e a pressão exercida pelos contratos fechados antecipadamente têm pressionado as cotações da arroba, segundo afirmam pesquisadores do Cepea. Nessa quarta-feira, 24, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa do boi gordo fechou em R$ 147,3, queda de 3% na parcial de outubro (até o dia 24). Quanto às exportações, ao contrário do verificado no mercado interno, as vendas brasileiras de carne bovina in natura seguem em forte ritmo. Até a terceira semana de outubro, foram exportadas 95,08 mil toneladas de carne, segundo dados preliminares da Secex.

O volume embarcado diariamente tem média de 6,8 mil toneladas. Ainda que esteja abaixo da média verificada em setembro, de 7,9 mil toneladas, está superior à de outubro/17, quando foi de 5,6 mil toneladas, ainda de acordo com a Secex.

 

Fonte: Cepea.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo